quarta-feira, 5 de outubro de 2011

7 anos e o fim de um ciclo

Um cão único. Daqueles que dizem que a gente só tem uma vez na vida. Aquele que marca, que ensina e que mostra que é possível ter uma relação inexplicável com um ser que não consegue se expressar com palavras.


Palhaça, como sempre! 1 semana antes do ultimo susto.

Essa é a Chelsea. Sou eu que fico sem palavras, sem saber como explicar o quanto sou louca por ela. Mas acho que não preciso , ela sabe. E o resto do mundo? Que acredite em mim, ou não.


Dia 12/10/2004 nascia uma ninhada, filha do Redy, uma das filhotas era primeira fêmea red merle do Brasil. A cara do pai.... Eu ainda não sabia, mas essa fêmea seria minha.



Dia 15 de dezembro de 2004 esse menina chegava em minha casa para mudar a minha vida. Ela ganhou o nome de Chelsea, como lembrança de uma região de NY que eu adoro. Mal sabia eu que iria adorar muito mais aquela bolinha de pêlos maluca.

E ela foi a New York comigo! Foto durante um pique nique em familia no Centra Park! É mole?

Hoje ela completa 7 anos. 7 maravilhosos anos. Recentemente ela me deu 2 sustos, que me fizeram chegar a pensar que ela não completaria mais este aniversário comigo. Isso só faz aumentar a importancia desta data.


Mais uma vez, como muitas outras durante esses anos juntas, ela me surpreendeu e me mostrou sua força. É baixinha, mas tem força e garra de um leão.

No sítio, curtindo a vida!

Foi muito dificil sentir isso, ver o quão frágil a vida é e que de uma hora pra outra, meu porto seguro poderia não mais estar aqui pra me segurar em pé.


Por isso ,hoje, esses 7 anos estão sendo MUITO comemorados. E cada dia com ela é vivido intensamente.


A Chel é pra mim muito mais do que minha dupla de agility, minha campeã de exposição ou uma foto bonita na parede. Como disse, não sei explicar e nem quero, porque qualquer coisa que eu diga será pouco e sem sentido.


Para poder aproveitar tudo que ainda vamos viver juntas e preservar sua saúde, junto com amigos e veterinários dela, tomei a dificil decisão de aposenta-la precocemente das competições. Ela precisa diminuir o ritimo, apesar dela não ter idéia disso e continuar a mesma louca de sempre! Sim, ela agora vai ser só minha. Minha pet, minha aluna de mais e mais truques. É ela que vai continuar a dormir comigo e a acordar o resto da família quando eles estão aqui. É com ela que vou fazer caminhadas e é ela que vai dar bronca nas outras peludas quando estas resolverem latir fora de hora.
Pra competir, vou querer treinar, afinal quem quer competir sem uma preparação mínima? E sei que se voltar a treina-la, aos poucos, sem ver, vou exigindo dela e ela vai responder, como sempre. Mas não quero depois pagar um preço alto demais. Não troco um campeonato por mais muitos anos da maravilhosa companhia dela.
No 1o dia que ela não foi treinar, ficou revoltada e foi ver o que eu estava levando na bolsa.

Agora eu vou escolher uma prova, uma que aconteça na DW, que considero minha segunda casa e a primeira dela, para uma despedida. Não posso simplesmente parar. Ela merece uma última pista. Assim que os veterinários permitirem e meu coração esteja pronto, daremos esse tchauzinho às provas. É provável que de vez em quando ela apareça em matchs, ou talvez até mesmo em alguma prova.... não sei. Mas carreira mesmo, treinos, viagens, provas todo mês, isso não dá mais.



Agradeço imensamente aos amigos que MUITO me ajudaram nessas semanas complicadas. Fê, Cá, Ka...não sei o que dizer! Mas acho que vcs, assim como ela, sabem, da importancia que tem pra mim, né?


Com a Tia Fê, na Colombia. Uma viagem MARAVILHOSA!!


Agradeço a todos que me ajudaram milhões de vezes durante a carreira dela.( estes ganharão um post especial depois)


Agora é só comemorar!!

MINHA número 1, SEMPRE, pra sempre!!

PARABÉNS, minha vida!! TE AMO loucamente!

6 comentários:

Kamila disse...

Essa cã é muito mais que especial, e vc sabe a minha opinião sobre essa cadela, A Chel é a Chel, simplesmente isso.

Nunca vou me esquecer quando ela voltou da clinica, a festa pra mim foi tão grande, tão linda, tão diferente, que por um momento achei que ela estava agradecendo as milhões de velas e pedidos que fiz à São Francisco (acho que ele contou pra ela!) rsrs.

ESSE BICHO ROSA É ÚNICO, PRA VC E PARA TODOS QUE TIVERAM O PRAZER DE CONHECÊ-LA.

Enfim, vou parar por aqui... afinal é só um comentário! hahahaha

Karine disse...

Linda sua Chelsea, espero que ela viva muitos e muitos anos mais junto a você.
Os cães são tão especiais e importantes que fazemos tudo para seu bem estar... Triste ela não poder mais competir, espero que vocês deêm a volta por cima!

Bjs

Thaissa disse...

Você está mais do que certa, Gabi! Não há nada que valha colocar em risco a saúde, a qualidade de vida e a longevidade de um ser tão amado.
Claro que dá um aperto no coração pensar na Chel aposentada do agility e gostaria muito de estar presente na despedida dela. Mas sei que esta nova fase que se inicia será tão ou mais especial e intensa que os primeiros 7 anos!
Parabéns Chel!!! Parabéns mesmo!!! Quando a minha Gaia estava viva, eu comemorava com festinha, bolo especial para ela, presentes e tudo mais, pois cada ano, mês ou dia a mais com ela era um presente, que deveria ser comemorado!
Comemorem muito mesmo! E deixo aqui o meu carinho e admiração por essa dupla, que não é apenas uma dupla de agility!

Camila Sakavicius disse...

Essa baixinha é muito mais que uma cã de agility!!
Eu consigo entender o que está sentindo com essa aposentadoria precoce, também aposentei a Festa antes do que eu imaginava (8 anos), mas a cã continua sendo o que sempre foi! Elas realmente NÃO PRECISAM fazer agility para ser tão especiais como são!
Afinal, formam uma dupla de atrizes de teatro como nenhuma outra né?? rsrs

Você vai superar isso mais rápido do que você pensa! Porque ela está aí do seu lado! Com a mesma fofura e loucura de sempre! É isso que precisa ser comemorado!! O resto é resto!!

Vc sabe qto eu torço por ela, de coração! Sei que vc sabe q eu nem preciso falar aqui!!

Que venham muitos mais dozes de outubro como esse!!

PARABÉNS CHELSITA!!

Ana Paula Ambrozini disse...

Parabéns pra essa menina mais q especial!!! Tenho certeza que ela sabe que tudo que você faz por ela é pro bem dela e que ela vai te entender e vai continuar te amando como sempre!!!

Boa sorte com essa linda e MUITOS e MUITOS anos de vida!!!!

Bjos e Lambidas da matilha

Lau Porto disse...

Não sei nem o que dizer. Imagino o quanto deve ter doído escrever esse post...divulgar...Colocar de vez um ponto nisso... Mas esse ponto, é o primeiro dos próximos dois... Porque é isso que significa "..."
Essas reticências existem só pra mostrar o quanto vocês ainda vão curtir juntas, porque como você disse, e todo mundo elucidou bem, agility é só uma coisa...um esporte que vocês curtiam fazer juntas, como um esporte que a gente faz na nossa vida...Mas é só uma coisa... Pequena perto de TUDO que vocês viveram, e vão viver!

Essa cã rosa é especial demais...E foi e é a "idola" de muita gente...Você sabe bem, que meu primeiro "amor" de BC, sem q vc nem soubesse foi ela... Ela á maravilhosa, e mostra isso a cada segundo do seu lado. E ela não seria nada sem você, e você nada sem ela. Vocês tem aquilo que a gente diz: "Alma gêmea". É nítido, visível,e da gosto de ver.

Vida longa a essa dupla imbatível!
Gabi e Chel!

Um Beijo gigante guria!!!